Como a linguagem dos pais influencia seus filhos

Pai Filho

A linguagem e o jeito falar dos pais no ambiente familiar, terá um impacto direto no desenvolvimento das crianças. A linguagem do dia a dia influencia as crianças, pois tendem a adquirir como hábitos o que veem dos pais, seja bom ou ruim. É por isso que é importante usar o melhor vocabulário e linguagem possível quando estiver na frente dos mais pequenos da casa.

Desta forma, as crianças aprenderão a lidar com um vocabulário apropriado e para usá-lo da melhor maneira possível. No artigo a seguir, daremos uma série de dicas para que a linguagem usada pelos pais seja a melhor possível para seus filhos.

A importância da linguagem dos pais em seus filhos

No momento em que uma criança aprende a falar, sua língua estará diretamente relacionada ao que ela ouve diariamente em seu ambiente mais próximo. A maneira e a maneira de falar são um reflexo de como se fala em casa. Por isso, é fundamental que os pais façam uso correto da linguagem e do vocabulário no dia a dia.

Os pais são modelos de comportamento para os filhos, daí a grande importância do uso de uma linguagem correta e adequada. A linguagem dos pais deve ser sempre positiva e motivada. Desta forma, as crianças usarão um tipo de vocabulário baseado no positivismo, algo que é importante no enfrentamento do dia a dia.

O que os pais devem evitar ao falar

Ao falar, os pais devem evitar dois tipos de comportamento:

  • As crianças não devem perceber linguagem negativa e pessimista em nenhum momento. Dizer a todo o momento que a vida é injusta e cheia de problemas fará com que os pequenos mal lutem e não se esforcem para alcançar seus objetivos.
  • Os pais não devem usar a linguagem para criticar habitualmente outras pessoas. É importante incutir neles valores baseados na tolerância e no respeito pelos outros. As crianças não devem ver seus pais criticando o tempo todo pois é algo que não deveriam adquirir como hábito no seu dia a dia.

comunicação pai-criança-adolescente

O que os pais devem reforçar em relação à linguagem usada

  • Em relação à linguagem, os pais não devem se deixar levar pelas emoções, em hipótese alguma. Os filhos não devem ver seus pais zangados ou chateados.
  • Se houver qualquer tipo de crítica, ela deve ser sempre construtiva. Desqualificar outra pessoa prejudica diretamente a criança.
  • Caso a criança tenha feito algo que não está certo, concentre-se no que ela fez de errado e evite culpar a própria criança. As críticas às crianças são inúteis e não são justificadas.
  • Uma criança não deve ser julgada sem antes ter sido ouvida. É importante deixar que isso seja expresso e explicado e a partir daí agir da forma mais justa possível.
  • A linguagem e o vocabulário devem sempre ser usados ​​como reforço positivo em relação ao comportamento da criança. Isso é importante quando se trata de fazer com que a criança acredite em si mesma e alcance os objetivos desejados.

Em suma, a linguagem que os pais usam no dia-a-dia terá influência direta no comportamento e no desenvolvimento dos filhos. A linguagem utilizada é essencial para transmitir uma série de valores válidos no dia a dia, como respeito, motivação ou perseverança. É por isso que os pais são aconselhados a cuidar da língua quando estão na frente dos filhos.


Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

*

  1. Responsável pelos dados: Miguel Ángel Gatón
  2. Finalidade dos dados: Controle de SPAM, gerenciamento de comentários.
  3. Legitimação: Seu consentimento
  4. Comunicação de dados: Os dados não serão comunicados a terceiros, exceto por obrigação legal.
  5. Armazenamento de dados: banco de dados hospedado pela Occentus Networks (UE)
  6. Direitos: A qualquer momento você pode limitar, recuperar e excluir suas informações.