Como ensinar crianças a falar em público

crianças falando em público

Falar em público está na moda em todo o mundo. Não só porque é uma técnica útil para se dar bem na vida, mas porque é uma ótima maneira de se apresentar ao público. Que melhor maneira então do que aprender a fazê-lo desde muito jovem. ¿Como ensinar crianças a falar em público?

Além do que sai espontaneamente, existem inúmeras técnicas para as crianças aprenderem a arte de falar em público. Falar em público não é uma tarefa fácil, principalmente no caso de personalidades mais embaraçosas ou inseguro. É uma arte que pode ser aprendida de forma consistente e por meio de uma série de técnicas e habilidades que podem ser aprendidas. Até agora, a oratória era destinada apenas ao mundo adulto, mas as últimas tendências levam em conta os mais pequenos, pois se sabe que quanto mais cedo aprendem a funcionar em público, mais natural é o processo. Vamos ver então alguns maneiras de ensinar as crianças a falar em público.

Falar em público para todos

No último dia 16 de abril, o Dia Mundial da Voz e isso me levou a pesquisar algumas das técnicas mais eficazes para aprender a falar em público. Claro, hoje na web podemos encontrar inúmeras páginas. Mas o que foi interessante para mim é investigar como ensinar crianças a falar em público. Fiquei curioso para descobrir qual é o segredo para uma criança pequena poder se posicionar diante do público sem medo de todos que a estão observando. Por quê? Talvez porque, se essa habilidade for incorporada desde tenra idade, é muito provável que, na idade adulta, a oratória seja algo natural em nós. Quase como caminhar ou correr.

crianças falando em público

Falar em público é essencial, mas não apenas pelos motivos óbvios. Além de falar em público com confiança permite que se conheçamos mais sobre nós mesmos, o desenvolvimento de ideias e conceitos oralmente requer a incorporação de uma certa lógica e ordem. O que, por sua vez, implica uma série de processos de conexão e abstração muito úteis para o desenvolvimento da aprendizagem.

Pára ensinando crianças a falar em público é necessário que eles ordenem as informações. Os pequenos não terão apenas que aprender a superar o constrangimento, mas também a reconhecer o que desejam transmitir, ou seja, os conceitos ou ideias-chave.

Uma vez que esse ponto esteja claro, as crianças terão que criar a lógica interna da história por meio da conexão dessas ideias primárias. Poder escolher as ideias, conectá-las e, ao mesmo tempo, fazer uma síntese dos conceitos para que a história seja divertida é todo um processo que deve ser ensinado passo a passo. A articulação da informação é um dos grandes aprendizados ao ensinar crianças a falar em público.

Da organização à oralidade

Agora, uma vez que essa organização primária foi realizada, é hora de encenar o discurso. O discurso nada mais é do que a história que virou história. Mas não qualquer história, mas uma que seja interessante e que consiga chamar a atenção do público ou do público.

Qual é o segredo para manter a atenção? Verossimilhança. Quando falamos de histórias na oratória, referimo-nos a uma história que capta, que se torna interessante para o público, que procura persuadir e convencer. Pois bem, na hora de ensinando crianças a falar em público, o aspecto lúdico torna-se importante.

memórias em crianças
Artigo relacionado:
Como falar sobre sexo com seus filhos pequenos

As histórias devem ser reforçadas com recursos teatrais como a voz, o movimento do corpo, os objetos presentes na cena, o movimento das mãos e, principalmente, o olhar. O sucesso da oratória dependerá dessa combinação que mistura ordem e desordem. Se desde a infância um criança aprende oratoriContar histórias em público é provavelmente uma atividade natural na idade adulta.



Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

*

  1. Responsável pelos dados: Miguel Ángel Gatón
  2. Finalidade dos dados: Controle de SPAM, gerenciamento de comentários.
  3. Legitimação: Seu consentimento
  4. Comunicação de dados: Os dados não serão comunicados a terceiros, exceto por obrigação legal.
  5. Armazenamento de dados: banco de dados hospedado pela Occentus Networks (UE)
  6. Direitos: A qualquer momento você pode limitar, recuperar e excluir suas informações.